Tecnologia: cientistas lançam pílula que apaga as memórias ruins do cérebro!


Método chamado  de “terapia de extinção” promete acabar com traumas e lembranças ruins do seu cérebro, e deve estar disponível em um futuro próximo.

brilho eterno de uma mente sem lembrancas Tecnologia: cientistas lançam pílula que apaga as memórias ruins do cérebro!

Estaria a ficção se tornando realidade?

Todo mundo tem na cabeça alguns momentos da vida que preferia esquecer, não é verdade? Seja um trauma, um acidente, ou aquele dia em que você pagou aquele mico. Esse tipo de desejo já foi até mostrado no cinema, no filme Brilho eterno de uma mente sem lembranças no qual pessoas pagam a uma empresa para esquecerem-se de fatos tristes de relacionamentos que não deram certo. Pois bem, graças a recentes descobertas isso pode virar realidade em breve.

A pista para descobrir como eliminar permanentemente essas memórias veio de uma pesquisa com ratos jovens. Com eles, a terapia de extinção apaga completamente a memória do medo, que não pode ser recuperada.

Identificar as alterações relevantes no cérebro dos ratos entre a infância e a fase juvenil pode ajudar os pesquisadores a recriar aspectos do sistema quando criança e induzir o “apagamento” da memória nas pessoas.
Nos ratos jovens, a perda da capacidade de apagar uma memória traumática coincide com o surgimento da rede perineuronal (RPN) no cérebro. A rede é uma estrutura de glicoproteína altamente organizada que envolve neurônios em áreas do cérebro como a amígdala, responsável pelo processamento do medo.

Segundo os pesquisadores, isso aponta para um possível papel da RPN na proteção de memórias do medo. Destruir a RPN nas pessoas deve retornar o sistema delas a um estado infantil. Nos ratos, tanto os jovens quanto os adultos, a destruição da RPN impede a recuperação de memórias de medo.
rato Tecnologia: cientistas lançam pílula que apaga as memórias ruins do cérebro!
Como a RPN pode voltar a crescer, os pesquisadores sugerem que, em teoria, é possível degradar temporariamente a RPN em seres humanos para apagar permanentemente uma memória traumática específica, sem causar qualquer dano a longo prazo para a memória, através da administração de remédios específicos, como por exemplo uma pílula.


Outra das técnicas mais promissoras aproveita um breve período em que o cérebro adulto se assemelha ao de uma criança e fica maleável. O processo de se reavivar uma memória, chamado reconsolidação, parece tornar essa memória maleável por algumas horas. Durante este tempo, ela pode ser adaptada e mesmo potencialmente excluída.

Pesquisadores americanos testaram essa teoria, apresentando um quadrado azul a voluntários, ao mesmo tempo em que lhes administravam um pequeno choque elétrico. Mais tarde, os voluntários apenas viram o quadrado azul, enquanto a equipe media pequenas mudanças na produção de suor. Uma resposta ao medo.

Um dia depois, os pesquisadores lembraram essa memória de medo para alguns dos voluntários apenas uma vez, mostrando-lhes o quadrado e dando-lhe um choque novamente, consequentemente ativando a memória. Durante esta janela de reconsolidação, os pesquisadores tentaram manipular a memória por vezes expondo os voluntários apenas ao quadrado azul.

Esses voluntários produziram uma resposta de suor significativamente menor no dia seguinte, em comparação com aqueles que receberam apenas a terapia de extinção, sem reconsolidação. Além do mais, a sua perda de memória foi permanente.

Um ano depois, um terço dos voluntários voltou. Aqueles que receberam apenas a terapia de extinção (viram só o quadrado azul) mostraram uma resposta de medo elevada quando o viram, mas aqueles que receberam a terapia de extinção durante a reconsolidação (levaram choque novamente) não mostraram nenhuma reação de medo. Com isso, a pesquisa prossegue de forma promissora, mas ainda não há nenhuma data para o lançamento dessa terapia no mercado.

E você? O que acha dessa técnica? Utilizaria?

Fonte: Hypescience

Recomendados para você:

You can leave a response, or trackback from your own site.

4 Responses to “Tecnologia: cientistas lançam pílula que apaga as memórias ruins do cérebro!”

  1. Boa tarde,

    Vim agradecer e retribuir a visita em meu blog. Volte sempre, hein!

    Tenha um bom fim de semana!
    Abrs

    Victor

  2. Heitor says:

    Olá
    eu linkei esse post nos melhores da semana no meu blog
    dá uma conferida lah depois!!!
    Abs

  3. luciana says:

    remedios para apaga memoria nao vai faser as mulheres kue foram estupradas volta a gosta de sexo
    para algem gosta de sexo e presiso ter lembransas boa de sexo os homens e kue presisa ser mais calmos sensual
    sedutor e romantico se este remedio for dado para as pessoas elas podem ate serem atropeladas se nao tiver memoria e nao saber kue carro mata
    eu kuero as minhas lembransas ruins

  4. lilia says:

    bem kue os sentistas poderia enventar
    um remedio para faser os homens parar de serem estuprador

Quer deixar seu comentário?

What is 13 + 4 ?
Please leave these two fields as-is:
IMPORTANTE! Responda essa continha, senão o comentário não é registrado! É pra evitar spam, sabe como é, né?