Urnas eletrônicas funcionam de acordo com o horário de verão? Saiba a verdade


As urnas eletrônicas estariam programas no horário de verão? TSE vai anular todos os votos dados a partir das 16h00 do dia 28/10? Confira o desfecho dessa história a partir dos próximos tópicos.

As eleições presidenciáveis estão causando um verdadeira rebuliço nas redes sociais, especialmente para quem acompanha as principais notícias do “zap zap”. A história da vez é que as urnas eletrônicas estão programadas de acordo com o horário de verão, que deveria ter começado neste mês de outubro.

Por conta disso, com a diminuição de uma hora nos relógios brasileiros, os votos dados depois das 16h00 não seriam contabilizados. Seria verdade?

Para ajudar, alguns celulares brasileiros automaticamente mudaram e diminuíram 1h do normal. Mas o que deixou muita gente P da vida não foi o fato das urnas, mas sim por ter acordado mais cedo no dia. Coisa ruim, né?

Urnas horário de verão

Nas redes sociais circula um texto indicando que as urnas eletrônicas também sofreram essa mudança de horário que irritou tanta gente. Segundo a mensagem, elas estão programadas para atuar no horário de verão e, como sempre, tudo seria parte de um golpe para anular mais de 7 milhões de votos.

urna horario de verao Urnas eletrônicas funcionam de acordo com o horário de verão? Saiba a verdade

Como toda mensagem alarmante, a mesma começa com um pedido urgente de compartilhamento. Logo após, o texto indica que as urnas não vão computar os votos depois das 16h. E, por fim, a mensagem insinua que tudo foi parte de um golpe, que supostamente aconteceu desde o primeiro turno, no dia 08 de outubro.


Seria realmente verdade? Será que as urnas eletrônicas deixarão de computar 7 milhões de votos no dia 28? Continue com a leitura e veja a resposta.

Urnas eletrônicas não vão computar os votos depois das 16h?

A mensagem explodiu no WhatsApp e ganhou milhares de compartilhamento naquele grupo de família onde só restam os mais guerreiros, inclusive você. No entanto, não é difícil de imaginar que a mensagem não passa de uma fake news. Entenda.

O primeiro fator que indica que a mensagem é falsa está relacionado ao que já falamos há pouco. Ela começa com um pedido infame de compartilhamento. Outra coisa que indica a falsidade da origem da mensagem é que a mesa não possui nenhuma fonte válida.

O conteúdo é completamente alarmista, há inúmeros erros de concordância e, no final, existe mais um pedido de compartilhamento, característica comum entre as fake news disparadas no WhatsApp.

Além do mais, há uma questão simples: qual o motivo do TSE errar na hora das urnas?  O que isso mudaria? Não faz o menor sentido.

E, para fechar o caixão, o próprio TSE publicou uma nota em seu site oficial desmentindo o caso. Clique aqui e confira a informação completa em que o Tribunal Superior Eleitoral desmente o caso, afirmando que as urnas estarão com todos os horários sincronizados, sem nenhum erro aparente.

Essa história é completamente falsa: as urnas não tiveram o horário mudado e a votação ocorrerá até às 17h00 do dia 28 de outubro. Lembre-se, não se informe pelo “zap zap”, acesse os sites confiáveis de notícias para, assim, divulgar a verdade e não o que o povo inventa.

Recomendados para você:

You can leave a response, or trackback from your own site.

Quer deixar seu comentário?

What is 8 + 2 ?
Please leave these two fields as-is:
IMPORTANTE! Responda essa continha, senão o comentário não é registrado! É pra evitar spam, sabe como é, né?