Como a qualidade de dados ajuda na identificação de produtos


Um dos maiores desafios para as empresas na atualidade, é sem dúvidas, otimizar de a compra de matéria prima, evitando dessa forma desperdício de recursos financeiros. Mas, como conseguir essa proeza?

Antigamente era bastante comum existir erros de compras. Matéria prima e produto acabado sobravam e faltavam ao mesmo tempo no estoque das indústrias e dos comércios em geral.

Muitas empresas, inclusive, acabaram falindo mesmo registrando lucro em seu balanço financeiro. Mas, como isso era possível?

Simples. Imagine, que ao final do mês uma empresa registrou um lucro de R$ 10 mil reais. Contudo, em virtude de uma compra errada, ficou parado no estoque o valor de R$ 20 mil reais. Agora imagine esse fato em um ano. Simplesmente, a empresa vai à falência mesmo registrando lucro, em virtude de uma má gestão de estoque.

Com o advento da tecnologia e a chegada do código de barras, as empresas passaram a ter mais qualidade de dados, também chamada de data quality ,para identificar os produtos e adotar as suas estratégias de compra e venda.

qualidade Como a qualidade de dados ajuda na identificação de produtos

Dados que possibilitam um melhor giro de estoque

Um dos dados mais consistente que o código de barras pode trazer é o giro do produto no estoque. Essa informação é essencialmente importante para que o produto não falte e nem sobre, otimizando a gestão financeira.

Dessa forma, um produto ao entrar no sistema, terá cadastrado o seu código e a sua quantidade de entrada. E ao ir sendo vendido, vai sendo baixado do sistema, que emitirá um dado sobre a quantidade diária vendida desse determinado produto.

Nesse sentido, a empresa conseguirá avaliar se aquela determinada quantidade de compras é suficiente. E em cima desse dado tomar a decisão sobre aumentar ou diminuir as compras desse determinado produto.

Com isso, os produtos irão ganhar eficiência no giro de estoque. Ou seja, não mais faltará e nem sobrará produtos no estoque. Inclusive, poderá ser avaliado a determinação da margem por cada produto como veremos a seguir.

 

Dados sobre a margem de cada produto

margem Como a qualidade de dados ajuda na identificação de produtos

Existe uma grande dificuldade que as empresas enfrentam que é a precificação do seu produto. Saber por quanto é possível vender um produto é um verdadeiro desafio. Isso acontece porque existem produtos com maior elasticidade de preço e produtos com menor elasticidade de preço.


Nesse sentido, ao adquirir um produto e cadastrá-lo na empresa, o responsável pelas compras e pelo estoque poderão ir avaliando a sua venda mensal, e trabalhar bem a lei da oferta e procura.

Desse modo, se um produto girou bem mais rápido que o esperado, a empresa poderá testar a sua elasticidade de preço, aumento o valor desse produto, e acompanhar qual o preço x giro ideal.

O mesmo acontece ao inverso. Se um produto está demorando para girar a empresa poderá baixar sua margem e avaliar a relação preço x giro, para otimizar os ganhos financeiros.

Esses dados seriam bem mais complexos de serem colhidos sem a ajuda de um sistema de ponta interligado com o código de barras Brasil. É nesse sentido que o código de barras ajuda a melhorar a qualidade de dados.

 

A qualidade de dados impactando nas finanças da empresa

Como é de se esperar, ao avaliar a elasticidade de preços dos produtos, e o seu giro no estoque, a empresa conseguirá otimizar a sua gestão financeira, podendo inclusive aumentar os seus ganhos.

Vamos imaginar, que um determinado fornecedor dê a empresa 60 dias para pagar o boleto de compras. Ajustando o giro x margem, a empresa poderá avaliar qual o melhor ganho para esse produto girar em 60 dias.

Vamos imaginar um exemplo. Que um supermercado compre 2 mil unidades de Coca-cola de 2 litros. E que o valor da compra seja aproximadamente de R$ 6 mil reais. O valor da venda, seja aproximadamente de R$ 10 mil reais.

Ajustando essa margem giro a empresa ganhou em 60 dias R$ 4 mil reais. Contudo, não precisou sequer tirar os R$ 6 mil do caixa, que aplicados em uma aplicação CDB renderam mais, R$ 100,00.

Esse foi um exemplo de um único produto. Mas, com um sistema bastante eficiente a empresa conseguirá otimizar os seus ganhos financeiros de forma bem mais consistente, ampliando ainda mais a sua solidez financeira.

 

A qualidade de dados nas decisões estratégicas

dados Como a qualidade de dados ajuda na identificação de produtos

Para finalizar, não poderíamos deixar de falar sobre a qualidade dos dados nas tomadas de decisões estratégicas da empresa.

Como vimos, através da implantação do código de barras, a empresa conseguirá obter dados mais consistentes, melhorando o seu giro de estoque, e também encontrando o preço de venda ideal na sua relação com o giro.

Através disso, ela poderá otimizar o prazo de pagamento, casando-o com o giro do produto no estoque, e obter com isso maiores ganhos financeiros, o que impactará no demonstrativo de resultados do mês.

Nesse aspecto, as decisões estratégicas da empresa serão ainda mais precisas, pois os dados obtidos de cada produto irão colaborar para isso. Sendo que, um processo de investimento em expansão se torna mais seguro.

Também se torna mais preciso decisões sobre implementação de produtos no mix da empresa, bem como a eliminação de produtos no mix. A empresa, não tomará tais decisões em base de achismo, mas sim em dados consistentes.

Vamos à mais um exemplo para entender esse aspecto de decisão estratégica. Imagine uma loja de roupas, que vende uma determinada marca de camiseta masculina por R$ 20,00.

Imagine que um pedido de 100 camisetas demore 30 dias para girar, e que o lucro por unidade seja de R$ 8,00. Logo, a empresa irá demorar 30 dias para lucrar 800,00. Vamos considerar agora, que a empresa venda babylook feminina também, e que o preço de cada seja R$ 30,00.

Nesse segundo caso, vamos considerar que a empresa demora 30 dias para girar 80 peças. Contudo, o lucro por peça seja de R$ 15,00. Dessa forma, o lucro nesse pedido foi de R$ 1200,00, ou seja, R$ 400,00 a mais que o pedido anterior.

Nesse aspecto, se a empresa precisa tomar uma decisão sobre qual dos dois produtos comprar, poderá optar pelo produto mais lucrativo. Sem um sistema que forneça essas informações certamente a empresa não iria conseguir tomar essa decisão de forma acertada.

É por essa razão que a implantação de um sistema de gestão com código de barras é essencial para garantir uma gestão administrativa mais eficiente para as empresas nos dias atuais.

 

You can leave a response, or trackback from your own site.

Quer deixar seu comentário?

What is 7 + 10 ?
Please leave these two fields as-is:
IMPORTANTE! Responda essa continha, senão o comentário não é registrado! É pra evitar spam, sabe como é, né?